Aprendizagens sobre o necessário.

Meu filho tem 15 meses e desde que nasceu nunca tínhamos ficado mais do que 5h longe um do outro. Para muitas mães esse tempo vai parecer absurdamente pouco. Para outras absurdamente muito. Mas foi o nosso.

Eu parei de trabalhar. Eu não coloquei ele na creche. Ele mama no peito em livre demanda e acorda várias vezes de madrugada para mamar. Passamos juntos todos os dias, quase que 24h. 7 por 7. Por mais de um ano.

Continuar lendo