1,2,3 Santiago do Chile

A viagem está chegando e a ansiedade só aumenta. Vi ser bom mudar de ares, ver muita coisa nova, vivenciar outra cultura. Para não dizer que eu não fiz o dever de casa, fiz uma listinha básica de lugares para conhecer em Santiago. Ah, a história do país e coisa e tal eu deixei por conta de todos os romances que li (principalmente os da Isabel Allende).

As opções:

cerro.1. Cerro San Cristóbal, um dos morros mais altos da cidade, que possui um santuário em seu topo e um visual panorâmico muito bonito de toda a região. Fica no bairro Bellavista, e para subir tem que pegar um funicular, que sobe a cada meia hora, iniciando às 10h. A estação inicial fica na entrada do Parque Metropolitano, na Pío Nono 445. Na subida, quem quiser pode parar na estação intermediária para conhecer o Zoológico de Santiago. Meia hora lá em cima no santuário é o suficiente (na teoria, mas pode rolar uma paradinha para amamentar, coisa e tal).

$$$  Ida e volta | CLP2000.00 | R$ 10,80

2. Museu La Chascona, a casa do poeta Pablo Neruda em Santiago, localizada aos pés do Cerro San Cristóbal, a pouco mais de 100 metros da estação do funicular, na Fernando Márquez de la Plata 0192. A visita guiada pode ser em espanhol ou inglês e circula por todo os ambientes da casa que o poeta construiu para sua amante Matilde (o nome é uma referência aos cabelos dela, dizem)É importante agendar com antecedência a visita para garantir sua vaga (vi essa dica no site Meus Roteiros de Viagem). Funciona diariamente das 10h às 18h, exceto às segundas-feiras., e as visitas guiadas podem ser em espanhol, inglês ou francês.

$$$ visita Guiada | CLP3500.00 | R$ 18,90

Os bairros mais artísticos de Santiago são Bellas Artes e Lastarria. Neles se encontram os principais museus, galerias de arte, cinemas, centros culturais e ateliês. Próximo ao Rio Mapocho estão o Museo de Arte Contemporáneo e Museo Nacional de Bellas Artes. Em frente está o Parque Forestal, uma boa opção para relaxar e fazer um piquenique.

3. Museu Nacional de Bellas Artes, que tem um acervo com mais de 3 mil itens, entre pinturas e esculturas de artistas chilenos e europeus. Dizem que a arquitetura é incrível, e que as exposições são sempre de ótima qualidade. Imperdível.

$$$ Gratuito

4. Museu de Arte Contemporânea. Fica atrás do de Bellas Artes.

5. Centro Cultural Metropolitano Gabriela Mistral. Tem aqui o calendário de programação. Além das exposições tem várias peças de teatro. O centro fica na Av. Libertador Bernardo O’Higgins 227. E funciona até tarde (22h).

6. Mercado Central, o mercado público municipal de Santiago. Nas alas laterais estão as peixarias e no vão central os restaurantes. Pode até ser uma opção de almoço para este dia. Mas já li em vários sites que os preços podem não ser legais (em vista de ser muito tustistico) e meio sujo e bagunçado. Eu particularmente adoooro esses lugares. Bom para ver as frutas do local, as bebidas e os artesanatos. Acho que o caranguejo gigante eu vou dispensar.

$$$ Gratuito

santiago47. Plaza de Armas, considerada o marco zero de Santiago, onde tudo começou. A praça é bem grande, arboriz
ada, com algumas estátuas e monumentos e rodeada por diversas construções históricas.

$$$ Gratuito

8. Museu Histórico Nacional. Aqui tem o site, onde tem um tour 360º virtual. Funciona de terça a domingo, de 10h as 18h. É pequenininho e oferece um bom panorama da história do país.

$$$ Gratuito

9. Catedral Metropolitana de Santiago, vale a visita. Apesar de eu não ser particularmente adoradora de Igrejas. (Podem falar dos detalhes, das riquezas, das estátuas… eu acho todas bem chatinhas, rs).

$$$ Gratuito

10. Palácio de La Moneda, a sede do governo chileno, localizado entre a Praça da Constituição (rua Moneda, onde acontece, dia sim, dia não, as 10h a troca da guardae a Praça da Cidadania (avenida Libertador Bernardo O’Higigns). Antigamente era lá a Casa da Moeda chilena (daí o nome, né). Para visitá-lo tem que agendar com antecedência (como tudo no Chile) uma visita guiada.

$$$ visita guiada CLP5000.00 | R$ 27,00

11. Cerro Santa Lucia, outro morro localizado na região central da cidade. Ele é mais baixo que o Cerro San Cristóbal (são 69 metros, mais de 200 degraus) e para subi-lo é preciso enfrentar um grande número de escadas e rampas (o que pode não ser tão bacana com um bebê de 7kg, mas vamos lá!). Durante a subida há algumas paradas para descansar. No topo temos o mirante para compensar a empreitada.

$$$ Gratuito

12. Museu Chileno de Arte Pre-Colombiana. O museu é particular, e por isso a entrada é paga. Tem a história não só do Chile, mas de vários outros países. Não é desses passeios “fundamentais”, para quem tem pouco tempo e está apenas dando check nos pontos turísticos mais badalados, mas como o meu caso é outro… O museu abre de 3ª a domingo das 10h às 18h (como todos os outros…) e tem uma ótima avaliação no TripAdvisior.

$$$ Entrada | CLP3500.00 | R$ 18,90

13. Museu Interativo Mirador. Esse é daqueles passeios excelentes para quem tem criança, mas que todo mundo que vai diz que os adultos também se apaixonam. Lá tudo pode ser pegado, mexido, brincado. *_* O museu fica aberto das 9h30 as 18h30 de terça a domingo, e fica na Av. Punta Arenas 6711, La Granja. Para chegar vá de metrô pela linha 5 e depois pegue um ônibus, ou vá de Uber, pois fica em uma área mais afastada da cidade. Outra dica é ir cedo, pois fica bem cheio, principalmente aos fins de semana.

$$$ Adultos | CLP3900.00 | R$ 21,06  Item Crianças 2-12 | CLP2700.00 | R$ 14,58

14. Sky Costanera. É uma torre alta a beça (o maior prédio da América Latina, com 300 metros de altura) com uma super vista da cidade e dos Andes. Fica aberta todos os dias das 10 da manhã as 10 da noite (e o horário de pico das visitas é entre 18h30 as 21h, de acordo com o google). Esse mirante foi inaugurado em agosto de 2015, e fica no 61º andar (para o desespero dos medrosos) e tem uma vista de 360º. Para chegar Chegar ao mirante é bastante simples. Pegue a linha 1/vermelha do metrô, desça na estação Tobalaba; a melhor saída é a que indica a av. Luis Thayer Ojeda, e ande até o shopping Costanera Center. Ah, e uma boa dica do site Viagem na Viagem: “Um bom encaixe do Sky Costanera no seu roteiro é na volta de uma visita vespertina a uma das duas vinícolas aonde se chega de metrô (Cousiño Macul ou Concha y Toro); a baldeação é feita justamente na estação Tobalaba, que serve o Costanera Center”.

$$$ Mais barato de segunda a quinta CLP5000.00. Sexta a domingo CLP8000.00

images

15. Parques. Tem milhões. O Parque Quinta Normal, o Parque Arauco, o Patio Bellavista, O parque do Bientenário, Parque Balmaceda (que dizem ser provavelmente a mais bela praça de toda a capital chilena), El patio, Parque das Esculturas,Parque O´Higgins (que tem até pista de patinação no gelo no inverno, um clube hípico e um aquário), o Parque Florestal e o Parque Metropolitano. Nesse último estão o Jardim Japonés e o Jardim Botánico Mapumelu (além de uma Casa de Cultura e um observatório astronômico).

16. Paseo Ahumada. Rua de comércio central, dessas badaladinhas, cheias de estrangeiros e com grandes lojas de departamento (Ripley e Falabella). Nas ruas Agustina e Moneda é bom para trocar dinheiro, dizem ter as melhores casas de câmbio, o que é um bom ponto de partida.

17. Pueblito Los Dominicos. Fica no bairro Los Condes. É um local fechado instalado em um antigo monastério dominicano onde há uma riqueza enorme de artesnaato de todo o Chile(da pedra nacional, o lapislazuli, pelas roupas típicas, por comidas tradicionais, chegando até a “greda”). Para chegar vá de metrô: fica na estação terminal Los Dominicos, da Línea 1. Funciona de 10h30 as 20h, todos os dias. Dizem que as coisas lá são bem caras, mas para mim, um passeio imperdível.

$$$ Gratuito.

18. Museu da Memória e dos Direitos Humanos. Fica na Avenida Matucana 501 e trata sobre as violações que ocorreram no período de ditadura (1973 a 1990). Está localizado em frente ao Parque Quinta Normal, que tem outros l museus (Museu de História Natural, Museu Ferroviario, Museo de Arte Contemporaneo e o Museo de los Niños).  É fácil de chegar e dá para ir de metrô. Estação Quinta Normal – Linha 5 – Verde. Tem um post bacana sobre ele no site Nós no Chile. Uma dica: ao lado do parque, está o Centro Cultural Mutucana 100, um estilo centro cultural que ocupa antigos armazéns de tijolos.

$$$ Gratuito.

Tem muito mais coisa bacana. Mas já deu por hoje. Depois faço uma outra lista com pequenos bairros, praças, e alguns passeios menos “turísticos”. Quem souber de outros lugares bacanas, escreve ae embaixo que vou adorar 😉

mapa_centro_grande

 

Anúncios

6 comentários sobre “1,2,3 Santiago do Chile

  1. Simplifica disse:

    Sem dicas dessa vez hehe, mas no Los Dominicos não é tão caro assim não! Preço normal de lembrancinhas. Mas vale mesmo a visita, é um local agradável, muitas lojinhas e um café bem gostoso. Tem arteasanato de couro, cobre, madeira, de tudo!

    Aproveitando, quando vc voltar estra convidada pra fazer um post aqui no Simplifica. Então, tire muitas fotos tá? Hehehe. Vai ser bom uma opinião de uma outra blogueira aqui!

    Curtido por 3 pessoas

  2. marcusmmr disse:

    Santiago muito bom. Fiquei hospedado num flat perto do Cerro Santa Lúcia..
    Levei de brinde pra casa uma lembrança – não muito especial – da viagem: ligamento do tornozelo rompido.
    Fui me divertir na Neve e levei um MEGA TOMBO Rsrs..
    Ah, fiz duas vinícolas: concha Y toro e Undurrga. Preferi muito mais essa ultima.
    Boa viagem..

    Curtido por 2 pessoas

    • aquelaquerebola disse:

      Olá Meireles, amamentei sim, sem nenhum problema. Confesso que não vi muitas mães fazendo o mesmo, mas eu o fiz. E não uso nenhum paninho, nada para tapar, pois acho que não é algo que deva ser feito escondido.
      Ahh, lembro de ter visto uma mãe chilena amamentando no restaurante logo no primeiro dia 😉
      Beijos e boa sorte!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s